quarta-feira

...

Bianca Alves Não sei se falo da planta dos seus pés ou da raiz de seus cabelos, quero saudar-te com a poesia que me resta, já que não produzo nada no amor, no momento leio jornais e publicações antigas, é fato sou egoísta quando amo, faria de tua língua e de tua letra no quadro negro minha única leitura diária, não temo a desinformação e os fatos comentados no jornal da noite, temo não saber como foi o seu dia...


O que produziu no silêncio do quarto?



Quantas vezes abriu a geladeira e viu pedaços de novelas?



Demorou um pouco mais no banho pra tirar a tinta dos dedos?



Abriu o pequeno guarda-roupa pra olhar as peças que aos poucos deixo?



Precisamos arrumar sua vitrola, ela nos liga.



Hoje é dia de cinema, gosto dos seus óculos no escuro da sala...



Que sabores inventou no almoço?



Pensou em mim?



Pensou na gente?




Ando com uma saudade boba ...



VOLTO LOGO!

2 comentários:

  1. Nossa Bianca...adorei a postagem!!
    Seu blog está como sempre... incrível!!!

    Sucesso menina!!!
    Bjos

    -Verba volant....scripta manent-
    Espero sua visita!!!!

    ResponderExcluir
  2. Olha eu de novo...rs

    Tem "selinho" pra vc lá no meu blog, espero que goste!!!
    Esse blog vicia!!!
    ^^

    ResponderExcluir

""Erótica é a alma""

Adélia Prado